Clínica Dom Guanella

Catarata na infância 

A catarata congênita é uma das principais causas de cegueira na infância, ela é causada pela malformação no cristalino (uma lente natural que fica localizada dentro do olho e é responsável pelo foco). A malformação pode ocorrer durante o desenvolvimento do feto ou nos primeiros meses de vida(catarata infantil). 
Doenças como rubéola, toxoplasmose e a sífilis materna podem ocasionar problemas de catarata no feto ou recém-nascido. A doença se manifesta em um ou em ambos os olhos, com forma e intensidade variadas, podendo ocorrer como enfermidade isolada ou associada a outras patologias.
 
As principais alterações da catarata congênita:
– Dificuldade visual ou ausência completa de visão;
– O aparecimento de um ponto esbranquiçado (ou “pupila opaca”) no olho do bebê, como mostra a imagem;
– Estrabismo, que é o desvio ocular;
– Nistagmo, que são movimentos rápidos e não coordenados dos olhos em diversas direções;
– Nanoftalmo, que é quando o olho afetado apresenta tamanho menor que o normal.
 
Quando houver essa suspeita, é necessária uma atenção especial dos profissionais da saúde para que o diagnóstico precoce possa evitar complicações irreversíveis.
 
Algumas crianças precisam de um exame mais detalhado para o diagnóstico, por isso é tão importante todos os bebês consultarem no primeiro ano de vida, pois quanto antes receber o diagnóstico melhor a visão na fase adulta.

Deixe um comentário

× Agendar Consulta por WhatsApp